André Luiz


*
Espírito Alexandre, em “Missionários da Luz”, obra do Espírito André Luiz, psicografia de Francisco Cândido Xavier.

“Entre abusos do sexo e da alimentação, desde os anos mais tenros, nada mais fazíamos que desenvolver as tendências inferiores, cristalizando hábitos malignos. Seria, pois, de admirar tantas moléstias do corpo e degenerescências psíquicas? O Plano Superior jamais nega recursos aos necessitados de toda ordem e, valendo-se dos mínimos ensejos, auxilia os irmãos de humanidade na restauração de seus patrimônios, seja cooperando com a Natureza ou inspirando a descoberta de novas fontes medicamentosas e reparadoras. Por nossa vez, em nos despojando dos fluidos mais grosseiros, através da morte física, à proporção que nos elevamos em compreensão e competência, transformamo-nos em auxiliares diretos das criaturas. Apesar disso, porém, o cipoal da ignorância é ainda muito espesso.”
*
Amigo(a) visitante, salve!
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 28.278 dias.
Obrigado Senhor!
*
http://wv8.com.br/comkardec.com/
https://www.facebook.com/EudisonLeal
https://www.facebook.com/apil.colonial
*
*
***

PRECEITOS DE TODA HORA

*

*
PRECEITOS DE TODA HORA
Pelo Espírito André Luiz. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Livro: Ideal Espírita. Lição nº 88. Página 209.

Caminhe com firmeza. Quem se acomoda com a precipitação tropeça a cada instante.
Examine a você mesmo. Na vigilância constante, educará você os próprios impulsos.
Higienize a própria mente, trabalhando no bem sem desânimo. O cérebro preguiçoso acumula resíduos indesejáveis.
Escute seu irmão sem reproches. A caridade real começa na atenção generosa e amiga.
Aperfeiçoe o procedimento. Hoje melhorado é amanhã mais feliz.
Ampare o coração combalido. Ninguém pode prever a saúde próxima do próprio coração.
Faça luz com a sua palavra. Se hoje pode você orientar é possível que amanhã esteja você rogando conselhos.
Sofra com paciência e serenidade. No braseiro da revolta, ninguém consegue aproveitar a dor.
Melhore o vocabulário. Há palavras que, excessivamente repetidas, perdem a significação que lhes é própria.
Cultive a simplicidade. Embora não pareça, o Universo é imponente conjunto de Leis claras e coisas simples.
Sirva sempre. O tédio é o salário de quem vive reclamando o serviço dos outros.
Improvise o Bem onde você estiver. A sombra do mal é assim como o detrito que invade tudo, quando a limpeza está ausente.
*
Colaborador:
Antônio Sávio de Resende – Tonhão
email’s: asavio921@uol.com.br; asavio@uaivip.com.br; asavio.fcvv@gmail.com; asavio13@uol.com.br;
“Em muitas ocasiões, perguntas se a tua religião é realmente a melhor.
Faze o exame da própria fé. E, se dúvidas te avassalam o pensamento em matéria de crença, conduta, preconceitos e tradições, entra no mundo de ti mesmo e indaga da própria consciência qual teria sido entre os homens, a religião de Jesus”.
Emmanuel & Chico Xavier. Lição: Tua Religião. Livro: Mãos Marcadas.
*

Responsabilidade


*
Responsabilidade
*
SACA TEXTO 06MAI17
Espírito Druso, em “Ação e Reação”, obra do Espírito André Luiz psicografia de Francisco Cândido Xavier.

“Asseguro-lhes, assim, que, nas zonas infernais propriamente ditas, apenas residem aquelas mentes que, conhecendo as responsabilidades morais que lhes competiam, delas se ausentaram, deliberadamente, com o louco propósito de ludibriarem o próprio Deus. O inferno, a rigor, pode ser, desse modo, definido como vasto campo de desequilíbrio, estabelecido pela maldade calculada, nascido da cegueira voluntária e da perversidade completa. Aí vivem domiciliados, às vezes por séculos, Espíritos que se bestializaram, fixos que se acham na crueldade e no egocentrismo. Constituindo, porém, larga província vibratória, em conexão com a humanidade terrestre, de vez que todos os padecimentos infernais são criações dela mesma, estes lugares tristes funcionam como crivos necessários para todos os Espíritos que escorregam nas deserções de ordem geral, menosprezando as responsabilidades que o Senhor lhes outorga.”
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 28.050 dias.
Obrigado Senhor!
*
Eudison de Paula Leal
eudisonleal@gmail.com
www.comkardec.com
https://www.facebook.com/EudisonLeal
https://www.facebook.com/apil.colonial
*

Espírito Emmanuel

20150408_emmanuel
*
Espírito Emmanuel, em “No Mundo Maior”, obra do Espírito André Luiz, psicografia de Francisco Cândido Xavier.

“Iludidos na teoria do menor esforço, inexistente nos círculos elevados, contavam com preeminência pessoal, sem nenhum testemunho de serviço e distantes do trabalho digno, em um céu de gozos contemplativos, exuberante de conforto melífico. Prefeririam a despreocupação das galerias, em beatitude permanente, onde a grandeza divina se limitaria a prodigiosos espetáculos, cujos números mais surpreendentes estariam a cargo dos Espíritos Superiores, convertidos em jograis de vestidura brilhante.”
*
Colaborador: Ênio Carlos Costa Simões – Niterói-RJ
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 27.833 dias.
Eu TE Agradeço Deus Pai!
Publicação número 11.300
http://wv8.com.br/comkardec.com/
https://www.facebook.com/comkardec/
www.facebook.com/EudisonLeal
https://sinapseslinks.wordpress.com/
*
“O Espiritismo nos solicita uma espécie permanente de caridade – a caridade da sua própria divulgação”. Emmanuel
comentar20160406_links03

Francisco Cândido Xavier

20160410_Chico_Xavier
*
Espírito Druso, em “Ação e Reação”, obra do Espírito André Luiz psicografia de Francisco Cândido Xavier.

“– (…) a Terra é vista sob os mais variados ângulos. Para o astrônomo, é um planeta a gravitar em torno do Sol; para o guerreiro é um campo de luta em que a geografia se modifica a ponta de baionetas; para o sociólogo é amplo reduto em que se acomodam raças diversas; mas, para nós, é valiosa arena de serviço espiritual, assim como um filtro em que a alma se purifica, pouco a pouco, no curso dos milênios, acendrando qualidades divinas para a ascensão à glória celeste. Por isso, há que sustentar a luz do amor e do conhecimento, no seio das trevas, como é necessário manter o remédio no foco da enfermidade.”
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 27658 dias.
Eu TE Agradeço Deus Pai!
== Sou septuagenário ==
== Publicação número 10.452
#comentar#20160406_Links03

SAÚDE E EQUILÍBRIO


*
SAÚDE E EQUILÍBRIO
Pelo Espírito André Luiz. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Livro: Passos da Vida. Lição nº 17. Página 59.

Para garantir saúde e equilíbrio, prometa a você mesmo:
1 – Colocar-se sob os desígnios de Deus, cada dia, através da oração, e sustentar a consciência tranquila, preservando-se contra idéias de culpa…
2 – Dar o melhor de si mesmo no que esteja fazendo…
3 – Manter coração e mente, atitude e palavra, atos e modos na inspiração constante do bem…
4 – Servir desinteressadamente aos semelhantes, quanto esteja ao alcance de suas forças…
5 – Regozijar-se com a felicidade do próximo…
6 – Esquecer conversações e opiniões de caráter negativo que haja lido ou escutado…
7 – Acrescentar pelo menos um pouco mais de alegria e esperança em toda pessoa com quem estiver em contato…
8 – Admirar as qualidades nobres daqueles com quem conviva, estimulando-os a desenvolvê-las…
9 – Olvidar motivos de queixa, sejam quais sejam…
10 – Viver trabalhando e estudando, agindo e construindo, de tal modo, no próprio burilamento e na própria corrigenda, que não se veja capaz de encontrar as falhas prováveis e os erros possíveis dos outros.

Colaborador:

Antônio Sávio de Resende – Tonhão
email’s: asavio921@uol.com.br; asavio@uaivip.com.br; asavio.fcvv@gmail.com; asavio13@uol.com.br;
“Observa os próprios hábitos e tendências e perceberás o que fôste nas existências passadas. Analisa os que te rodeiam, no círculo doméstico-social e identificarás com quem te comprometeste para sanar os próprios débitos ou traçar a própria senda de elevação. Um aluno repete o currículo de lições no objetivo de ir em frente, não para acomodar-se à retaguarda. Indispensável corrigir-nos naquilo que erramos. Obstáculos são desafios renovadores”.
Emmanuel & Chico Xavier. Lição: Hábitos e Tendências. Livro: Amigo.
#comentar#20160406_Links03
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 27.655 dias.
Eu TE Agradeço Deus Pai!
*
*** http://wv8.com.br/comkardec.com/
*** https://www.facebook.com/EudisonLeal
*** https://www.facebook.com/sinapses.links

#cadastrar#20160406_Links04

Espírito Emmanuel


*
Espírito Emmanuel em “Nos Domínios da Mediunidade”, obra do Espírito André Luiz, psicografia de Francisco Cândido Xavier

“Os laboratórios são templos em que a inteligência é concitada ao serviço de Deus, e, ainda mesmo quando a cerebração se perverte, transitoriamente subornada pela hegemonia política, geradora de guerras, o progresso da Ciência, como conquista divina, permanece na exaltação do bem, rumo a glorioso porvir. O futuro pertence ao Espírito!”
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 27.653 dias.
Eu TE Agradeço Deus Pai!
*
*** http://wv8.com.br/comkardec.com/
*** https://www.facebook.com/EudisonLeal
*** https://www.facebook.com/sinapses.links
*** Cadastre-se: http://wp.me/P7cuxM-obF
*

André Luiz

20160226_André_Luiz
*
COMECEMOS HOJE
Pelo Espírito André Luiz. Psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Livro: Mãos Marcadas. Lição nº 03. Página 21.

Não diga que você pratica as Lições do Evangelho, simplesmente por debater-lhe os problemas.
A palavra edificante é uma benção do Céu, mas, há sonâmbulos do verbo notável, sem serem loucos. Falam de maneira brilhante, embora dormindo. E todos podemos sofrer semelhante calamidade.
Em nosso testemunho de aplicação com Jesus, é preciso fazer algo.

Acorde, pois trabalhando.
Lembre-se de que o próximo espera por seu auxílio.
Mexa-se de algum modo, para ajudar.
Pinte, com o próprio esforço, a casa onde você mora, dando-lhe aspecto mais agradável.
Lave a louça da mesa que o serviu.
Limpe uma ferida que sangra.
Apare as unhas de um paralítico.
Guie um cego, na praça pública.
Garanta a higiene, onde você estiver.
Acomode o próprio corpo com atenção, de maneira a não incomodar o vizinho, no veículo de condução coletiva.

Carregue uma criança de colo para que essa ou aquela mãezinha fatigada descanse, por alguns minutos.
Costure para os necessitados.
Dê um café aos filhos do infortúnio.
Distribua, com alegria, as sobras da refeição.
Antes que apodreça, entregue a roupa supérflua ao companheiro andrajoso.
Reparta o pão com o menino infeliz que muitas vezes, lhe observa o conforto pela vidraça.
Plante uma árvore útil.
Enderece uma gentileza aos amigos, procurando ocultar-se.
Estenda braços fraternos, ainda mesmo por um simples momento, aos que forem surpreendidos pela enfermidade, na rua.

Adquira um comprimido balsamizante para o irmão que acuse dor de cabeça.
Faça o favor de transportar espontaneamente os pequeninos fardos que pesam nas mãos alheias.
Confie um livro nobre à circulação, no ambiente doméstico.
Ofereça uma flor ao enfermo.
Preste, com bondade, a informação que lhe solicitam.
Dê algum dinheiro, em favor das boas obras, sem a preocupação de fiscalizar.
Comecemos agora.
Não creia que o barulho de fora consiga despertar-nos. Ante a pressão externa, mais se esconde a tartaruga na carapaça. Entretanto, o ruído de nossas próprias mãos no trabalho construtivo renova-nos a mente.

Hoje, você enriquece o serviço do Senhor, com alguma coisa.
Amanhã, porém, o serviço do Senhor será tesouro crescente, em seu caminho.
*
Colaborador:
Antônio Sávio de Resende – Tonhão
email’s: asavio921@uol.com.br; asavio01@uol.com.br; asavio@uaivip.com.br; asavio.fcvv@gmail.com;
“Acalma-te e serve, não fizeste o sol que te ilumina, não fabricaste o ar que respiras, não criaste o solo em que te apóias, não teceste a vestimenta das flores que te rodeiam, não pares de trabalhar, a vida te pede o bem que se te faça possível: o impossível virá de Deus”. Emmanuel & Chico Xavier. Lição: Possível e Impossível. Livro: Recados do Além.
*
Desejo que o seu Novo Dia Concedido seja: Feliz!
*
Fraternalmente,
Leal – aprendiz em todas as instâncias da Vida
Encarnado há 27.629 dias.
Eu TE Agradeço Deus Pai!
*
*** http://wv8.com.br/comkardec.com/
*** https://www.facebook.com/EudisonLeal
*** https://www.facebook.com/sinapses.links
*

Realizar o Bem

1919435_712151172218947_7396760846308325921_n

Notas Breves

*
Link permanente:___ http://wp.me/p1oMor-gWu
*
20130725_André_Luiz_031
*
Notas Breves
*
Não perca tempo.
Não fuja ao dever.
Respeite os compromissos.
Sirva enquanto possa.
Ame intensamente.
Trabalhe com ardor.
Ore com fé.
Fale com bondade.
Não critique.
Observe construindo.
Estude sempre.
Não se queixe.
Plante alegria.
Semeie paz.
Ajude sem exigências.
Compreenda e beneficie.
Perdoe quaisquer ofensas.
Atenda à pontualidade.
Conserve a consciência tranqüila.
Auxilie generosamente.
Esqueça o mal.

Cultive sinceridade, aceitando-se como é e acolhendo ou outros como os outros são, procurando porém, fazer sempre o melhor ao seu alcance.
*

Dia do Trabalho

*
Link permanente:___ http://wp.me/p1oMor-fUs
*
20110501_primeiro_de_maio
*
Dia do Trabalho
*
Nos Compromissos do Trabalho
*
Nunca se envergonhe, nem se lamente de servir.

Enriquecer o trabalho profissional, adquirindo conhecimentos novos, é simples dever.

Colabore com as chefias através da obrigação retamente cumprida, sem mobilizar expedientes de adulação.

Em hipótese alguma diminuir ou desvalorizar o esforço dos colegas.

Jamais fingir enfermidades ou acidentes, principalmente no intuito de se beneficiar das leis de proteção ou do amparo das instituições securitárias, porque a vida costuma cobrar caro semelhantes mentiras.

Nunca atribua unicamente a você o sucesso dessa ou daquela tarefa, compreendendo que em todo trabalho há que considerar o espírito de equipe.

Sabotar o trabalho será sempre deteriorar o nosso próprio interesse.

Aceitar a desordem ou estimulá-la é patrocinar o próprio desequilíbrio.

Você possui inúmeros recursos de promover-se ou de melhorar a própria área de ação, sem recorrer a desrespeito, perturbação, azedume ou rebeldia.

Em matéria de remuneração, recorde: quem trabalha deve receber, mas igualmente quem recebe deve trabalhar.
*
Livro Fonte: Sinal Verde
Autoria Espiritual: André Luiz
Psicografia: Francisco Cândido Xavier
*
Saiba mais sobre o Dia do Trabalho. Click aqui. Grato.

A Língua

*
Link permanente pra esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fAJ
*
20130325_A_Língua

Desejos

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fqW
*
20070331blog_desejos
*
Desejos
*
Desejo é realização antecipada.

Querendo, mentalizamos; mentalizando, agimos; agindo, atraís; e atraindo, realizamos.

Como você pensa, você crê, e como você crê, será.

Cada um tem hoje o que desejou ontem e terá amanhã o que deseja hoje.

Campo de desejo, no terreno do espírito, é semelhante ao campo de cultura na gleba do mundo, na qual cada lavrador é livre na semeadura e responsável na colheita.

O tempo que o malfeitor gastou para agir em oposição à Lei, é igual ao tempo que o santo desprendeu para trabalhar sublimando a vida.

Todo desejo, na essência, é uma entidade tomando a forma
correspondente.

A vida é sempre o resultado de nossa própria escolha.

O pensamento é vivo e depois de agir sobre o objetivo a que se endereça, reage sobre a criatura que o emitiu, tanto em relação ao bem quanto ao mal.

A sentença de Jesus: “procura e achará”, equivale a dizer: “encontrarás o que desejas”.
*
Livro: Sinal Verde
Espírito: André Luiz
Psicografia: Francisco Cândido Xavier

Entre Cônjuges

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-fnc
*
20130215_entre_cônjuges
*
Entre Cônjuges
*

Prossiga amando e respeitando os pais, depois da formação da própria casa, compreendendo, porém, que isso traz novas responsabilidades para o exercício das quais é imperioso cultivar independência, mas, a pretexto de liberdade, não relegar os pais ao abandono.

Não deprecie os ideais e preocupações do outro.

Selecione as relações.

Respeite as amizades do companheiro ou da companheira.

É preciso reconhecer a diversidade dos gostos e vocações daquele ou daquela que se toma para compartilhar-nos a vida.

Antes de observar os possíveis erros ou defeitos do outro, vale mais procurar-lhe as qualidades e dotes superiores para estimulá-los ao desenvolvimento justo.

Jamais desprezar a importância das relações sexuais com o respeito à fidelidade nos compromissos assumidos.

Não sacrifique a paz do lar com discussões e conflitos, a pretexto de honorificar essa ou aquela causa da Humanidade, porque a dignidade de qualquer causa da Humanidade começa no reduto doméstico.

Não deixe de estudar e aprimorar-se constantemente, sob a desculpa de haver deixado a condição de solteiro ou de solteira.

Sempre necessário compreender que a comunhão afetiva no lar deve recomeçar, todos os dias, a fim de consolidar-se em clima de harmonia e segurança.

Fonte: Livro Sinal Verde
Psicografia: Francisco Cândido Xavier
Espírito: André Luiz

Auxílios Sempre Possíveis

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-eUt
*

*
Auxílios Sempre Possíveis
*
Sem quaisquer recursos especiais, você dispõe do poder de renovar e reerguer a própria vida.

Você pode ainda e sempre:

avivar o clarão da alegria onde a provação esteja furtando a tranqüilidade;

atear o calor do bom-ânimo onde a coragem desfaleça;

entretecer o ambiente preciso à resignação onde o sofrimento domina;

elevar a vibração do trabalho onde a desânimo apareça;

extrair o ouro da bênção entre pedras de condenação e censura;

colocar a flor da paciência no espinheiro da irritação;

acender a luz do entendimento e da concórdia, onde surja a treva da ignorância;

descobrir fontes de generosidade sob as rochas da sovinice;

preparar caminho para Jesus nos corações distantes da verdade.

Tudo isso você pode fazer, simplesmente pronunciando as boas palavras da esperança e do amor.
*
Autor espiritual: André Luiz
Psicografia: Francisco Cândido Xavier
Livro: Sinal Verde

Trabalho

*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/s1oMor-trabalho
*

*
Nos Compromissos do Trabalho
*
Nunca se envergonhe, nem se lamente de servir.

Enriquecer o trabalho profissional, adquirindo conhecimentos novos, é simples dever.

Colabore com as chefias através da obrigação retamente cumprida, sem mobilizar expedientes de adulação.

Em hipótese alguma diminuir ou desvalorizar o esforço dos colegas.

Jamais fingir enfermidades ou acidentes, principalmente no intuito de se beneficiar das leis de proteção ou do amparo das instituições securitárias, porque a vida costuma cobrar caro semelhantes mentiras.

Nunca atribua unicamente a você o sucesso dessa ou daquela tarefa, compreendendo que em todo trabalho há que considerar o espírito de equipe.

Sabotar o trabalho será sempre deteriorar o nosso próprio interesse.

Aceitar a desordem ou estimulá-la é patrocinar o próprio desequilíbrio.

Você possui inúmeros recursos de promover-se ou de melhorar a própria área de ação, sem recorrer a desrespeito, perturbação, azedume ou rebeldia.

Em matéria de remuneração, recorde: quem trabalha deve receber, mas igualmente quem recebe deve trabalhar.
*
Livro Fonte: Sinal Verde
Autoria Espiritual: André Luiz
Psicografia: Francisco Cândido Xavier

Indagações no Caminho

Por favor, click sobre a imagem para ampliá-la. Grato.
Link permanente para esta mensagem:__ http://wp.me/p1oMor-dEE
Mensagem número # 6.142 – Quinta-feira @ 20120426081908
Visitas recebidas de Março de 2011 à 26/04/2012 = 49.284
Por favor, você pode divulgar o blog?
Link: http://sinapseslinks.wordpress.com/
Contato: Leal, e-mail: sinapseslinks@gmail.com
Muito obrigado pela sua importante visita!
Seja Abençoado.
*
*

*
*
Indagações no Caminho
*
Você acredita na vitória do bem, sem que nos disponhamos a trabalhar para isso?

Admite você a sua capacidade de errar a fim de aprender ou, acaso, se julga infalível?

Se estamos positivamente ao lado do bem, que estaremos aguardando para cooperar em benefício dos outros?

Nas horas de crise você se coloca no lugar da pessoa em dificuldade?

E se a criatura enganada pela sombra fosse um de nós?

Se você diz que não perdoa a quem lhe ofende, porventura crê que amanhã não precisará do perdão de alguém?

Você está ajudando a extinguir os males do caminho ou está agravando esses males com atitudes ou palavras inoportunas?

Irritação ou amargura, algum dia, terão rendido paz ou felicidade para você?

Que mais lhe atrai na convivência com o próximo: a carranca negativa ou o sorriso de animação?

Que importa o julgamento menos feliz dos outros a seu respeito, se você traz a consciência tranqüila?

É possível que determinados companheiros nos incomodem presentemente, no entanto, será que temos vivido, até agora, sem incomodar a ninguém?

Você acredita que alguém pode achar a felicidade admitindo-se infeliz?
*

Hábitos infelizes

*
Por favor, click sobre a imagem para ampliá-la. Grato.
Link permanente para esta mensagem:__ http://wp.me/p1oMor-dgk
Mensagem número # 5.869 – Sábado @ 20120310094539
Visitas recebidas de Março de 2011 à 10/03/2012 = 39.736
Por favor, você pode divulgar o blog?
Link: http://sinapseslinks.wordpress.com/
Contato: Leal, e-mail: sinapseslinks@gmail.com
Muito obrigado pela sua importante visita!
Seja Abençoado.
*
*

*
*
Hábitos infelizes
*
Usar pornografia ou palavrões, ainda que estejam supostamente na moda.
Pespegar tapinhas ou cotucões a quem se dirija a palavra.
Comentar desfavoravelmente a situação de qualquer pessoa.
Estender boatos e entretecer conversações negativas.
Falar aos gritos.
Rir descontroladamente.
Aplicar franqueza impiedosa a pretexto de honorificar a verdade.
Escavar o passado alheio, prejudicando ou ferindo outros.
Comparar comunidades e pessoas, espalhando pessimismo e despretígio.
Fugir da limpeza.
Queixar-se, por sistema, a propósito de tudo e de todos.
Ignorar conveniências e direitos alheios.
Fixar intencionalmente defeitos e cicatrizes do próximo.
Irritar-se com bagatelas.
Indagar de situações e ligações, cujo sentido não possamos penetrar.
Desrespeitar as pessoas com perguntas desnecessárias.
Contar piadas suscetíveis de machucar os sentimentos de quem ouve.
Zombar dos circunstantes ou chicotear os ausentes.
Analisar os problemas sexuais seja de quem seja.
Deitar conhecimentos fora de lugar e condição, pelo prazer de exibir cultura e
competência.
Desprestigiar compromissos e horários.
Viver sem método.
Agitar-se a todo instante, comprometendo o serviço alheio e dificultando a
execução dos deveres próprios.
Contar vantagens, sob a desculpa de ser melhor que os demais.
Gastar mais do que dispõe.
Aguardar honrarias e privilégios.
Não querer sofrer.
Exigir o bem sem trabalho.
Não saber agüentar injúrias ou críticas.
Não procurar dominar-se, explodindo nos menores contratempos.
Desacreditar serviços e instituições.
Fugir de estudar.
Deixar sempre para amanhã a obrigação que se pode cumprir hoje.
Dramatizar doenças e dissabores.
Desprezar adversários e endeusar amigos.
Reclamar dos outros aquilo que nós próprios ainda não conseguimos fazer.
Pedir apoio sem dar cooperação.
Condenar os que não possam pensar por nossa cabeça.
Aceitar deveres e largá-los sem consideração nos ombros alheios.
*
Autor espiritual: André Luiz
Psicografia: Francisco Cândido Xavier
Livro: Sinal Verde
*

Festas

*
Por favor, click sobre a imagem para ampliá-la. Grato.
Link permanente para esta mensagem:__ http://wp.me/p1oMor-d6D
Mensagem número # 5.740 @ 20120216033224
Visitas recebidas de Março de 2011 à 16/02/2012 = 35.892
Por favor, você pode divulgar o blog? Link: http://sinapseslinks.wordpress.com/
Contato: Leal, e-mail: sinapseslinks@gmail.com
Muito obrigado pela sua importante visita!
*
*

*
*
Festas
*
Todos os motivos para festas dignas são respeitáveis, entretanto, a caridade é a mais elevada de todas as razões para qualquer festa digna.

Ninguém há que não possa pagar pequena parcela para a realização dessa ou aquela empresa festiva, destinada à sustentação das boas obras.

Sempre que possível, além da sua quota de participação num ato festivo, com fins assistenciais, é importante que você coopere na venda de, pelo menos, cinco ingressos, no campo de seus amigos, a benefício do empreendimento.

Mesmo que não possa comparecer numa festa de caridade, não deixe de prestar sua contribuição.

Festejar dignamente, em torno da fraternidade humana, para ajudar o próximo, é uma das mais belas formas de auxílio.

Se você não dança, não é aconselhável o seu comparecimento num baile.

Nos encontros esportivos, é melhor ficar à distância se você ainda não sabe perder.

Se você possui dons artísticos quanto puder, colabore, gratuitamente, no trabalho que se efetue, em auxílio ao próximo.

Nas comemorações de aniversário, nunca pergunte quantos anos tem o aniversariante, nem vasculhe a significação das velas postas no bolo tradicional.

Conduza o empreendimento festivo, sob a sua responsabilidade, para o melhor proveito, em matéria de educação e solidariedade que sempre se pode extrair do convívio social.

Aprendamos a não criticar a alegria dos outros.
*

A Dor!

*
*
Link permanente para esta mensagem:___ http://wp.me/p1oMor-cDz
*
*

*
*